Aromaterapia: essência do óleo de sândalo para queda de cabelo

Aromaterapia: essência do óleo de sândalo para queda de cabelo

A busca por causas e tratamentos para problemas capilares tem proporcionado muitas descobertas sobre o assunto. Uma delas é a possibilidade do uso do essência do óleo de sândalo para queda de cabelo.

Aromaterapia: tratamento através do cheiro

Para entender como agiria a essência do óleo de sândalo para queda de cabelo, é preciso primeiramente esclarecer alguns conceitos.

A percepção de um aroma ocorre graças a ligação de moléculas chamadas odorantes ou odoríferas a receptores olfatórios específicos. 

Esses receptores estão localizados principalmente na cavidade nasal, de onde emitem sinais para o cérebro quando são ativados. 

Ao receber o estímulo, o cérebro decodifica o sinal, transformando-o na sensação de cheiro.

Por sua vez, o cheiro, princípio da aromaterapia, também é capaz de estimular outras percepções e ações no organismo.

Isso porque além de estarem presentes no nariz, há ainda receptores olfatórios em outras partes do corpo, com funções diversas.

Eles são encontrados, por exemplo, em espermatozóides, no trato gastrointestinal, na pele e também nos folículos capilares.

Na pele, há dados científicos sobre sua participação em processos de cicatrização.

Já nos cabelos, segundo pesquisa, os receptores olfatórios podem estar diretamente relacionados ao ciclo do cabelo, seu crescimento e queda.

Essência do óleo de sândalo para queda de cabelo: estudo científico

O descoberta sobre os efeitos do essência do óleo de sândalo para queda de cabelo foi publicada pela Nature Communications.

A pesquisa foi realizada por empresas privadas e universidades na Alemanha e Reino Unido.

Segundo os pesquisadores, uma substância química sintética que mimetiza o cheiro do óleo de sândalo, chamada Sandalore, foi capaz de estimular o crescimento dos fios em tecidos humanos.

Essa substância é frequentemente usada em fragrâncias para perfumes e outros produtos cosméticos.

Para realizarem o estudos, os pesquisadores utilizaram fragmentos de biópsia de pele do couro cabeludo doados por pacientes submetidos à cirurgia plástica.

Essas amostras foram levadas ao laboratório para então serem submetidas aos experimentos.

Como funciona a essência de óleo de sândalo para queda de cabelo?

Ao realizar os experimentos, os pesquisadores descobriram que o Sandalore, produto sintético que imita a essência de óleo de sândalo, poderia interferir no ciclo do cabelo. 

A ação do Sandalore se daria por sua ligação a um receptor de odor presente nos folículos capilares, chamado OR2AT4.

Esse receptor, encontrado na camada externa das células da raiz do cabelo, mostrou-se capaz de prolongar a fase de crescimento do fio, via IGF-1.

O IGF-1 é um fator de crescimento envolvido no ciclo do cabelo e também no desenvolvimento e crescimento humano.

O  prolongamento da fase de crescimento capilar, chamada fase anágena, é determinante, por exemplo, em características como o comprimento dos fios.

Por outro lado, o encurtamento dessa fase é uma das alterações encontradas na alopecia androgenética e o eflúvio telógeno.

Para comprovar seus achados, foi administrado um bloqueador do receptor OR2AT4, chamado Phenirat, causando diminuição dos efeitos encontrados pelo Sandalore.

Essência de óleo de sândalo para queda de cabelo: perspectivas futuras

Antes que alguém tente usar em casa produtos à base de óleo de sândalo, é fundamental que se esclareça que o produto usado no experimento, chamado Sandalore, é um ingrediente químico produzido na Itália usado na indústria de fragrâncias.

Ao contrário do óleo de sândalo original, que não se liga ao receptor OR2AT4, essa fragrância sintética parece estimular o crescimento capilar e inibir a queda de cabelo.

Entretanto, mesmo parecendo promissora, ainda não é possível determinar como a essência de óleo de sândalo vai funcionar na prática para o tratamento da queda de cabelo.

Isso porque o estudo divulgado foi realizado em laboratório, com poucas amostras de tecido humano.

Assim, para esclarecer essa e outras dúvidas, mais pesquisas devem ser realizadas.

Uma delas vem sendo feita pelos próprios autores do experimento.

Eles estão testando o produto em 20 mulheres com queda de cabelo e esperam já em 2019 divulgar os resultados.

Enquanto isso, para ficar por dentro dessa e de outras novidades no tratamento da queda de cabelo, faça-nos uma visita.

A Clínica Doppio, além de possuir uma estrutura apropriada para avaliação e tratamento de queda de cabelos e calvície, conta ainda com um médico especialista em cabelos e profissionais preparados para ajudar com seu problema.

Faça uma avaliação e obtenha as informações e cuidados para o seu caso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *