cronograma capilar

Cronograma capilar: como cuidar dos cabelos

Estabelecer um cronograma capilar ajuda a organizar a rotina de cuidados com os cabelos de acordo com a necessidade dos fios.

O que é o cronograma capilar?

O cronograma capilar ou calendário capilar funciona como uma agenda de tratamento que inclui a nutrição, hidratação e reconstrução dos fios.

Por meio dele é possível conhecer as principais necessidades dos cabelos e realizar um tratamento mais eficiente.

Esse tipo de cuidado contribui para melhorar a aparência e saúde dos fios.

O objetivo principal, entretanto, é obter benefícios a longo prazo, como recuperação de cabelos muito danificados e que necessitam de mais cuidados.

O cronograma pode intercalar tratamentos caseiros e métodos profissionais realizados em salão de beleza.

Com essa rotina personalizada, os cabelos mantêm-se saudáveis por mais tempo, além de apresentar uma melhor aparência.

Quais os métodos usados no cronograma capilar?

Existem diferentes tipos de cronograma capilar.

No entanto, todos eles são compostos por três fases: hidratação, nutrição e reconstrução.

Cada uma delas atende uma necessidade específica do fio e deve fazer parte da rotina de cuidados.

Hidratação

A hidratação tem como objetivo controlar o teor de água dos cabelos para que eles fiquem macios e sedosos.

Os shampoos abrem as cutículas dos fios para promover a limpeza e remoção de resíduos.

No entanto, cutículas abertas aumentam a perda de água para o ambiente.

Além disso, a abertura da cutícula expõe os fios aos agentes externos, podendo causar danos estruturais aos fios.

Os agentes condicionadores selam as cutículas por ter um ph ácido, protegendo-os desses efeitos.

As máscaras de hidratação são compostas por emolientes e condicionantes, que desembaraçam os fios e os deixam mais maleáveis e brilhosos.

Nutrição

O ato de lavar e secar os cabelos repetidamente, além de procedimentos químicos, calor e agentes externos acabam por danificar a cutícula.

Uma dessas alterações é a perda da barreira natural composta por óleos que protegem e lubrificam os fios.

A nutrição seria justamente essa etapa de restauração da oleosidade do cabelo.

Ela é recomendada para cabelos moderadamente danificados e contribui principalmente para tornar os fios mais brilhosos e protegidos.

Nesse ponto, no entanto, é importante esclarecer alguns conceitos dessa fase do cronograma capilar.

É muito comum que pessoas busquem por produtos capilares com substâncias para nutrir os fios.

Entretanto, a nutrição dos cabelos não ocorre dessa forma.

As vitaminas presentes em produtos tópicos, como máscaras ou cremes, não são capazes de nutrir os cabelos.

A haste capilar, ou seja, a parte do fio que fica visível fora do cabeludo é uma estrutura inerte, composta de células mortas.

Assim, essa parte do fio não é capaz de incorporar nutrientes e se fortalecer.

Esse processo deve ser feito a partir da raiz do cabelo que fica dentro da pele do couro cabeludo.

Da mesma forma que outros órgãos do corpo, os bulbos capilares recebem seus nutrientes a partir de vasos sanguíneos que os irrigam.

Portanto, a nutrição dos fios ocorre por nutrientes provenientes da alimentação ou suplementação.

Desse modo, o termo nutrição não é o mais adequado para definir essa etapa do cronograma capilar.

Um termo que talvez pudesse ser mais apropriado seria o de restauração lipídica.

A restauração lipídica pode ser feita a partir de produtos industrializados ou de receitas caseiras.

Alguns exemplos de compostos utilizados para esse fim são o óleo de coco, o óleo de argan e a manteiga de karité.

Reconstrução

A etapa de reconstrução do cronograma capilar é voltada para fios muito danificados.

A proposta dessa etapa é promover a reposição de massa capilar perdida pelo desgate dos fios com agentes externos.

Essa reposição é feita por procedimentos como, por exemplo, a cauterização capilar.

A cauterização é uma técnica de plástica capilar que busca devolver a elasticidade, maciez e brilho do cabelo quimicamente danificado.

A técnica utiliza queratina para repor parte da massa proteica perdida e recuperar algumas de suas propriedades.

Segundo estudo publicado em 2018, a cauterização capilar foi capaz de aumentar até 49% do diâmetro dos fios quimicamente tratados e danificados.

Essa reposição, no entanto, funciona mais como um remendo, sendo o ganho de massa provisório e nem sempre vantajoso.

O uso incorreto da técnica pode, por exemplo, causar rigidez no fio, tornando-o mais propenso à quebra.

Como o tipo de cabelo pode interferir no cronograma capilar?

De acordo com as características do fio, ele pode demandar mais hidratação, nutrição ou reconstrução.

Os cabelos afro ou crespos são os que demandam mais cuidados.

Por conta de sua conformação achatada e seu crescimento enrolado, o fio afro ou cacheado tem maior dificuldade de distribuir o óleo produzido no couro cabeludo ao longo da haste capilar.

Assim, mesmo que oleoso na raiz, ele costuma ser ressecado nas pontas.

Essa característica do fio, associada ao fato de serem cabelos mais finos e frágeis, faz com que eles exijam uma maior atenção em todas as fases do cronograma capilar.

Os cuidados vão desde a escolha do xampu, que deve ser mais suave, até no uso mais intenso de condicionadores, máscaras, cremes para pentear e óleos, como, por exemplo, o reparador de pontas e protetor térmico.

Se por um lado, esses cuidados são necessários para os fios enrolados, eles podem ser excessivos para cabelos orientais.

O uso inadequado de produtos e procedimentos capilares pode tornar o cabelo rígido, sem movimento, oleoso e carregado.

Como saber qual o calendário capilar mais adequado?

Apesar de uma rotina de cuidados caseiros ser sempre recomendada para os fios ficarem mais bonitos, alguns casos exigem atenção especializada. Mas é preciso ter cuidado, pois um calendário capilar errado pode até contribuir para a queda de cabelo.

Caso o cabelo apresente danos severos recomenda-se buscar auxílio profissional de um médico especialista em cabelos.

Com o acompanhamento especializado somado a um cronograma capilar adequado, tornam-se maiores as chances de voltar a ter cabelos saudáveis.

A Clínica Doppio possui uma estrutura apropriada para avaliação e tratamento de queda de cabelos e calvície. Além disso, conta ainda com um médico especialista em cabelos e profissionais preparados para ajudar com seu problema.

Faça uma avaliação e obtenha as informações e cuidados para o seu caso.

Atendimento

Categorias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conteúdo protegido.