Quais os riscos de usar finasterida para tratamento da calvície?

Quando o assunto é tratamento da calvície em homens, um dos assuntos mais discutidos é sobre possíveis efeitos colaterais da finasterida.

Efeitos colaterais da finasterida

A finasterida é uma medicação eficaz e segura para tratamento da calvície.

Os efeitos colaterais da finasterida são incomuns e não duradouros.

Para avaliar a ocorrência desses efeitos colaterais, foram feitas pesquisas em que se comparavam um grupo que usava finasterida e um grupo controle, formado por pessoas que tomaram placebo, que é um comprimido inócuo, sem efeitos farmacológicos.

Impotência sexual e perda de libido: efeitos colaterais da finasterida?

Os resultados desses estudos mostraram baixa incidência de efeitos adversos, com valores próximos entre os usuários de finasterida e aqueles que usaram placebo:

  • Redução da libido: 1,8% versus 1,3% com placebo;
  • Dificuldade em ter ereção: 1,3% versus 0,7%;
  • Diminuição da quantidade de sêmen: 0,8% versus 0,4%.

Os efeitos colaterais da finasterida observados não foram persistentes, com resolução em todos aqueles que interromperam da medicação. Nos que mantiveram a medicação, mesmo após observar algum efeito colateral, houve uma melhora com o passar do tempo, com diminuição da incidência de efeitos adversos para 0,3% após 5 anos de seguimento.

Outros efeitos colaterais da finasterida que constam na bula são: reações alérgicas, depressão, dor testicular, sensibilidade e aumento das mamas e maior risco de câncer de mama em homens.

Fertilidade

Quantidades mínimas de finasterida podem ser encontradas no sêmen de homens em uso da medicação. Por conta disso, mulheres grávidas devem evitar o contato com o sêmen de pacientes em uso de finasterida, uma vez que essa medicação pode levar à malformação do genital do feto.

A finasterida parece não interferir na fertilidade de homens em geral. Alguns estudos apontam que a finasterida pode causar redução do número de espermatozóides em uma parcela de homens. Nesses indivíduos, a contagem melhorou dramaticamente após a interrupção da medicação.

Baseado nessas informações, a finasterida só deve ser evitada por homens com infertilidade, especialmente aqueles que apresentam espermograma com oligospermia.

Fígado

A finasterida pode provocar uma discreta e passageira elevação de enzimas hepáticas, mas sem sinais clínicos de lesão no fígado.

A melhora dos níveis das enzimas ocorre mesmo sem suspensão da medicação ou redução de sua dose.

O mecanismo desse aumento das enzimas do fígado é desconhecido.

Como a finasterida é metabolizada no fígado, pacientes com comprometimento da função hepática devem evitar seu uso.

Depressão

Há poucos estudos que relacionam o uso de finasterida à depressão.

O mecanismo sugerido para essa associação seria o bloqueio na formação de neuroesteróides, hormônios com atividade neurológica.  A menor quantidade desses compostos diminuiria a atividade de certos sistemas neurológicos, como o GABAa, o que favoreceria o desenvolvimento de depressão.

Por outro lado, há muitos outros estudos, alguns bem significativos como o feito no Prostate Cancer Prevention Trial, com mais de 17 mil participantes, que não encontraram relação entre finasterida e depressão.

Apesar de não haver consenso sobre o tema, recomenda-se evitar a finasterida em pacientes com antecedentes de depressão grave.

Câncer de próstata

Não há estudos conclusivos sobre a associação entre finasterida 1mg/d e câncer de próstata.

Os estudos com finasterida 5mg/d, usada para tratar doenças prostáticas, sugerem que ela possa prevenir ou retardar o aparecimento do câncer de próstata, sendo, entretanto, associada a um aumento da incidência de uma forma mais agressiva desse câncer.

Entretanto, nenhuma das associações parecem interferir na expectativa de vida da população com ou sem câncer.

“Síndrome pós-finasterida”

Existem diversos relatos em mídias sociais e fóruns na internet sobre persistência dos efeitos colaterais sobre a função sexual mesmo após a interrupção do uso da medicação, a chamada síndrome pós-finasterida.

Somente recentemente esses efeitos vêm sendo estudados pela comunidade médica. Entretanto, não há consenso nos poucos estudos existentes e a incidência de tais fatos não é conhecida.

Dúvidas sobre efeitos colaterais da finasterida: o que fazer?

Apesar de existirem poucas opções de medicações aprovadas para o tratamento da calvície, a escolha da melhor estratégia depende de diversos fatores que precisam ser levados em conta, incluindo os possíveis efeitos adversos adversos e riscos à saúde.

Por isso, é interessante procurar uma orientação médica antes de iniciar um tratamento ou medicação.

A Clínica Doppio além de possuir uma estrutura apropriada para avaliação e tratamento de queda de cabelos e calvície, conta ainda com um médico especialista em cabelos e profissionais preparados para ajudar com seu problema.

Faça uma avaliação e obtenha as informações e cuidados para o seu caso.

 

Dr. Nilton de Ávila Reis

CRM: 115852/SP | RQE 32621


Posts Relacionados

Riscos e efeitos colaterais da dutasterida para tratamento capilar
Desde a sua aprovação para tratamento da calvície masculina pela ANVISA, aumentou-se o interesse por... (Leia mais)
Fototerapia capilar: ações, indicações, efeitos e resultados
As diversas possibilidades de uso da fototerapia capilar justificam seu crescente emprego na medicina. O... (Leia mais)
Foliculite queloidiana da nuca: causas, sintomas, prevenção e tratamento
Embora não apresente riscos à saúde, a foliculite queloidiana da nuca pode gerar um incômodo... (Leia mais)

60 Responses

  1. Olá

    Me chamo Fábio e estou interessado em tratamento para queda de cabelo

    Me recomendaram a clinica doppio. Qual o valor da consulta?

    1. Olá, Theodoro

      Pacientes com problemas capilares estão mais sujeitos a desenvolverem quadros como a ansiedade e a depressão (https://clinicadoppio.com.br/depressao-e-queda-de-cabelo/).
      Portanto, isso acaba confundindo a avaliação sobre uma possível associação entre finasterida e esses transtornos de humor.
      Mas, em geral, não é comum pacientes que não apresentem histórico de ansiedade ou depressão virem a apresentar esses sintomas depois do iniciar o uso de finasterida.

      1. Meu nome é Cleiton e tomei Finasterida por 06 meses, minha glicemia aumentou bastante nesse período e só relaciono isso ao uso da finasterida, por isso resolvi suspender o tratamento da calvície. Existem relatos de finasterida e aumento da glicemia?

    2. Quando comecei a usar era o Propecia, nao tinha generico. Usei por 9 anos, não tive problema com depressao, tive uma pequena perda no volume ejaculado e pouca perda na libido, foi tranquillo. E o lado positivo e que mantive meu cabelo ate hoje com o mesmo volume.

    1. Olá, Marcelo

      Os efeitos colaterais da finasterida são infrequentes e não costumam ser duradouros.
      No entanto, se você não se sente seguro, agende uma consulta com um médico especialista para esclarecer melhor suas dúvidas.
      Caso queira mais informações, entre em contato conosco pelo número (11) 38539175.
      Estamos à disposição para ajudá-lo.

  2. Dr Nilton,

    Se quantidades minimas de finasterida podem ser encontradas no semem, apos qto tempo parando de toma-la posso planejar uma gravidez com minha esposa? Ou quanto tempo demora para não ser mais encontrado fina no semem?

    Obg.

    1. Olá, Paulo

      A meia-vida, ou seja, o tempo para que metade da medicação seja eliminada do organismo, da finasterida é de 6 a 8 horas. Não se sabe ao certo, mas se acredita que em 3 dias, não haja mais finasterida no seu organismo. Após 10 dias, você pode doar sangue.
      Dessa forma, apesar de na teoria 3 dias serem suficientes, 10 dias parece ser um tempo seguro para considerar que ela não está mais no seu organismo.

  3. Dr. Nilton,

    Espero que o senhor esteja bem! Dr, há algum efeito negativo (comprovado) do uso de finasterida 1mg no fígado?

    Grato pela resposta!

    Att.-
    Fábio

    1. Olá, Fabio

      A finasterida é um medicamento de metabolização hepática, ou seja, ela é destruída no fígado antes de ser eliminada na urina. Portanto, ela pode causar leve dano hepático.
      Por isso, é importante ter acompanhamento médico com exames periódicos de sangue.
      Caso queira mais informações, entre em contato conosco pelo número (11) 38539175.
      Estamos à disposição para ajudá-lo.

    1. Olá, André

      A síndrome pós-finasterida foi descrita por alguns usuários da medicação anos após ela ser aprovada e já vir sendo usada como medicamento para calvície e hiperplasia benigna prostática.
      Entretanto, não há consenso sobre sua real incidência ou mesmo existência.

      1. Boa noite, estou fazendo uso do finasterida há 30 dias, e me sinto depressiva, já faço uso de remédios para ansiedade como amitriptilina 75mg e topiramato 100mg pq sofro de enxaqueca devido a ansiedade, mas agora tomando o finasterida comecei a sentir tristeza mesmo, algo estranho, será que tem a ver com o remédio? Desde já agradeço.

        1. Olá, Elsângela

          Sugiro você relatar sua sensação de tristeza para o médico que prescreveu a finasterida e aguardar a conduta dele.

  4. Ola doutor, eu usei finasterida por 9 meses e nao notei diferença, e ainda tive colaterais, engordei apesar de ser atleta, ereçao piorou, e minha sobrancelha e barba afinaram muuuito, tem relacao esses colaterais ou sao da minha cabeça?

    1. Olá, Raphael

      A finasterida aumenta a quantidade de testosterona no corpo e, portanto, não deveria produzir os efeitos que você associa a ela.

  5. Tomo a finasterida (1 mg)a 7 meses nos últimos 3 dias não consigo ter a ereção completa parei de tomar estou muito preocupado o que fazer

    1. Olá, Vinicius

      Dor de cabeça não é um efeito indesejado que costuma ser relatado pelos pacientes em uso de finasterida.
      No entanto, caso persista com sintomas, sugiro que suspenda a medicação para ver se melhora. Se não melhorar, procure um neurologista para esclarecer o que pode estar acontecendo.

  6. Olá, tudo bem? Quando tempo levaria para possíveis efeitos colaterais surgirem? Estou tomando faz uma semana e ainda não senti nada, obrigado

    1. Olá, José

      Não há um tempo determinado para se ter efeitos colaterais da finasterida, mas em geral, é no início.

  7. Olá dr, a quase 2 meses tive corte quimico por conta q descolori meu cabelo, depois disso todos os dias estão caindo muitos fios de cabelo, principalmente na parte da frente da cabeça, fui no demartologista e ele me receitou o minoxidil e a finasterida e um fortalizer pro meu cabelo, só q minha duvida é se eu ainda preciso realmente usar a finasterida pois ainda tenho mt cabelo, tenho apenas entradas, por conta do meu pai já ser careca, ele me disse que era bom começar a usar cedo pra garantir mais tempo de cabelo, mas estou receoso,

    1. Olá, Rodrigo

      A indicação de medicamentos e outras formas de tratamento dependem de uma prévia avaliação médica completa (https://clinicadoppio.com.br/diagnostico-e-exames-para-queda-de-cabelo/), com análise do fio de cabelo, couro cabeludo e exames de sangue.
      Portanto, sugiro que agende uma consulta para que possamos discutir possibilidades terapêuticas.
      Caso queira mais informações, entre em contato conosco pelo número (11) 38539175.
      Estamos à disposição para ajudá-lo.

  8. Oi, queria saber se tiver algum efeito colateral e eu parar de tomar o remédio, quando tempo, mais ou menos, leva pro corpo voltar ao normal? Para os efeitos colaterais passarem?

    1. Olá, Edson

      Não existe um tempo pré-estabelecido para isso, mas se acredita que em 1 mês não exista mais finasterida no seu organismo.

  9. Olá doutor, tomei finasterida por 2 anos já
    que meu cabelo começou a despencar aos 19, senti muitos efeitos colaterais más não me importei e continuei a utilizá-lo, tive variações constantes de humor, ginecomastia, eu fiquei com o corpo inchado, retido, dificuldades de memorização e concentração, minha capacidade cognitiva declinou, sonolência e cansaço diurno, perdi por completo minha qualidade de sono, me sentia desmotivado parecia que estava morto, sentia extrema apatia, minha libido caiu bastante, não cheguei a broxar porém quase não sentia desejo, minhas ereções matinais as vezes ocorriam e as vezes ficavam longos dias sem ocorrer, comecei a sentir dores de coluna constante, parecia que minha massa óssea estava diminuindo, sentia irritações no estômago, minha imunidade sempre ficava baixa, quando saia a noite já ficava resfriado e vivia doente, em relação a cognição eu sentia uma certa agonia ao tentar raciocinar, devido a tal eu declinei em todas as áreas da minha vida : relacionamentos, estudos, trabalho e etc. E é importante ressaltar que sou um rapaz jovem hoje com meus 21 anos des dos 18 prático musculação, me alimento bem e levo no geral uma vida saudável, só vejo um vinho no final do ano, não fumo nem nada disso e mesmo assim apresentei esses efeitos, cortei o remédio e em cerca de uma sema meu sono melhorou, minha libido aumentou, me sinto mais disposto, não sinto mais dores na lombar nem fisgadas no fígado, minha concentração e cognição melhoraram , em questão de 3 dias minha face e meu corpo mudaram já que perdi a retenção, minha qualidade de vida melhorou no geral, porém meu cabelo voltou a despencar, não cai porém está ficando ralo, tem algum tratamento além da finasterida que consiga retardar minha calvície? A finasterida típica funciona?
    Será que no meu caso devido ter rebaixado muito o meu dht acabei aumentando meu estradiol e desencadeado tais efeitos?

    1. Olá, Gustavo

      Existem algumas opções de tratamento capilar, entre elas a finasterida.
      Como você teve intolerância à medicação, é preciso avaliar alternativas.
      Caso queira discutir sobre possíveis tratamentos, entre em contato conosco pelo número (11)38539175.
      Estamos à disposição para ajudá-lo.

  10. Ola Dr
    Estou usando finasterida 1mg a quase dois meses, não tive nenhum colateral ainda, posso tomar gaba para garantir que eu não tenha ansiedade, e maca peruana para garantir que não tenha problemas de libido?
    Obrigado

    1. Olá, Alan

      Sugiro não se automedicar.
      Procure agendar uma consulta para discutir essas possibilidades.
      Caso queira mais informações, entre em contato conosco pelo número (11) 38539175.
      Estamos à disposição para ajudá-lo.

      1. Olá doutor comecei usar finasterida a uns 9 meses até então tava indo bem em relação aos efeitos colaterais exceto a libido que caiu muito mas agora recentemente to sentindo muito mais outros efeitos colaterais como sonolência etc to decidido interomper queria saber o que seria recomendado para dar continuidade no tratamento do cabelo tem algum medicamento parecido que não causa esses efeitos colaterais?

        1. Olá, Leandro

          Existem alternativas à finasterida, mas para discutir essas possibilidades é preciso antes avaliar seu caso.
          Portanto, sugiro que agende uma consulta com um médico especialista.
          Caso queira mais informações, entre em contato conosco pelo número (11) 38539175.
          Estamos à disposição para ajudá-lo.

  11. Olá! me chamo Lúcia, estou com queda de cabelo após uma procedimento químico, fiz um tratamento a algum tempo, mais meu cabelo ficou frágil e continua com queda o que fazer

    1. Olá, Maria Lúcia

      Primeiro é preciso definir se é quebra ou queda de cabelo.
      A queda de cabelo depois de relaxamento (https://clinicadoppio.com.br/progressiva-e-queda-de-cabelo-qual-a-relacao/) muitas vezes ocorre por quebra dos fios (https://clinicadoppio.com.br/corte-quimico-o-que-deu-errado/).
      Nesse caso, além de ser necessário adotar uma série de cuidados com os cabelos (https://clinicadoppio.com.br/cronograma-capilar/), uma das opções é conversar com um profissional do salão sobre a possibilidade de se fazer cauterização química dos fios (https://clinicadoppio.com.br/o-que-e-cauterizacao-capilar-e-como-ela-funciona/).
      Caso não seja possível ou recomendado, a única alternativa é o corte (https://clinicadoppio.com.br/saiba-quando-cortar-o-cabelo/).
      Por outro lado, se for somente queda, é preciso investigar.
      Somente após avaliação completa (https://clinicadoppio.com.br/diagnostico-e-exames-para-queda-de-cabelo/), com análise do fio de cabelo, couro cabeludo e exames de sangue, é que se pode esclarecer o que está ocasionando a queda.
      Caso queira mais informações, entre em contato conosco pelo número (11) 38539175.
      Estamos à disposição para ajudá-la.

  12. doutor faz quazi dois meses que estou tomando finasterida e senti um coroço no meu testiculo tipo um aumento eu queria saber se eu parar de tomar a medicação ele voltará ao normal?

    1. Olá, Anderson

      Geralmente alterações testiculares secundárias à finasterida tendem a regredir após suspensão do medicamento. Caso o caroço persista, sugiro procurar um médico urologista.

  13. Boa noite doutor Nilton ! É provável que a pessoa tome por vários anos sem apresentar efeitos colaterais ? Ou seja ,sem interferir na libido e sem também ter aumento da mama ?

      1. Boa noite, tem outro medicamento que pode substituir a finasterida? tipo se a pessoa tem muito efeito colateral, então ela tem outra alternativa pra substituir o medicamento?

        1. Olá, Vinicius

          A dutasterida é um outro medicamento aprovado em 2022 para tratar a calvície masculina. Porém, o mecanismo de ação, assim como os efeitos colaterais são semelhantes.

  14. Meu nome é Tereza . Estou tomando finasterida e estou sentindo muita dor de cabeça, e insônia. Parei, e minha dor acabou, mas meu cabelo continua caindo.O que posso tomar, já fiz todos os exames , estão todos normais principalmente de sanguessugas taxas estão normais. O que pode causar tanto queda dos cabelos?

    1. Olá, Tereza

      Existem muitas causas para queda de cabelo (https://clinicadoppio.com.br/causas-de-queda-de-cabelo-feminino/).
      Entretanto, não é possível determinar o motivo da sua queda sem antes passar por uma avaliação médica especializada.
      Somente após avaliação completa (https://clinicadoppio.com.br/diagnostico-e-exames-para-queda-de-cabelo/), com análise do fio de cabelo, couro cabeludo e exames de sangue, é que se pode esclarecer o que está ocasionando a queda.
      Caso queira mais informações, entre em contato conosco pelo número (11) 38539175.
      Estamos à disposição para ajudá-la.

  15. iniciei o tratamento com o finasterida e sinto muita tontura dor de cabeça e sinto que meus testículos aumentou de tamanho
    seria um dos efeitos colaterais?

    1. Olá, Juarez

      Dor testicular é uma das queixas que podem acontecer com a finasterida.
      Entretanto, não é comum os pacientes se queixarem de tontura ou dor de cabeça.
      Mas, diante do quadro sugiro que suspenda a medicação para ver se os sintomas melhoram.
      Se persistirem mesmo após você parar de tomar, procure um médico neurologista.

  16. Olá tomei finasterida 1 mg
    e sentia cólicas …. gases .
    diarreias,por acaso dr você ja ouviu dizer alguma coisa parecida?

  17. Dr. comecei a tomar finestetide de 5mg. notei que aumentei de peso, estou frustrada pq minha queda de cabelo é muita é já sou gordinha, isso ocorre?

  18. Olá Dr.

    Tomo finasterida 1mg há um mês, o único efeito colateral que senti foram dores de cabeça que acredito serem da habituação do corpo à droga. No entanto, após a 4a semana de uso comecei a sentir um leve desconforto na parte direita da região abdominal que acredito ser o fígado (nunca tive qualquer problema de fígado). É normal a finasterida aumentar as enzimas do fígado ou causar um desconforto? Pergunto me se é normal acontecer e se passará mesmo não interrompendo a toma.

    1. Olá, Daniel

      A finasterida é um medicamento de metabolização hepática, ou seja, ela é destruída no fígado.
      Por isso, é importante fazer exames de fígado antes e depois de começar a usar esse medicamento.

  19. boa tarde dr, faço tratamento médico com finasteria 1mg e minoxidil oral 3mg, e nos meus ultimos exames de sangue o meu nivel de testosterona total vem aumentando (770, 900 e hoje 1010ng/dL), ja fiz exame nos testisculos e não consta nenhuma anormalidade.
    há alguma relação com esses medicamentos o aumento da testostena total?

  20. Comecei a utilizar a Finasterida Tópica (Spray) há 8 dias, há 2 dias comecei a sentir uma ardência nos mamilos. Essa ardência por si só pode desencadear a ginecomastia?

Deixe um comentário

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *