Quais produtos capilares podem e quais não podem ser usados na gestação?

É muito frequente sobre produtos de cabelo para grávida.

Durante a gestação, muitas mulheres pesquisam qual produto de cabelo pode ser usado na gravidez. O receio é o de que algum componente desses produtos venha a comprometer a saúde dela ou do feto.

Quais os riscos do uso de produtos de cabelo para grávida?

Diversas substâncias usadas rotineiramente por mulheres não-grávidas quando usadas na gestação podem colocar a saúde materna e fetal em risco.

Isso porque alguns compostos, quando em contato com a gestante, são capazes de atingir e alterar a estrutura ou função de órgãos do feto.

Esse efeito, chamado teratogenicidade, geralmente é notado pela presença de malformações do bebê ao nascer, distúrbios de crescimento, comportamento ou aprendizado, prematuridade e aborto.

Por sua vez, os medicamentos que causam teratogenia são chamados de agentes teratógenos.

O aparecimento de anomalias associadas aos agentes teratogênicos depende do período de gestação e duração da exposição, bem como do tipo de agente e da dose utilizada.

Os teratógenos têm efeitos mais graves quando atingem o feto nos 6 primeiros meses de gestação, porque esse é o período de formação dos órgãos e sistemas do bebê.

Ainda que mais graves nesse período, muitos medicamentos devem ser evitados durante toda a gravidez e mesmo durante a amamentação.

O controle dessas substâncias é feito por órgãos de saúde governamentais.

No Brasil, esse controle é feito pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Já nos Estados Unidos, a regulamentação é feita pelo Food and Drugs Administration (FDA).

Classificação de risco para gestantes

O FDA classifica os remédios de acordo com sua capacidade de causar malformações congênitas da seguinte forma:

  • Classe A: remédio que pode ser usado na gravidez sem preocupação, uma vez que não acarretam riscos ao feto;
  • Classe B: medicamentos que não demonstraram risco fetal em estudos animais ou que até apresentaram algum risco, mas que não se comprovaram quando usados por humanos. Entretanto, o uso dessas medicações deve ser orientado por um médico;
  • Classe C: remédios em que estudos com animais de laboratório mostram riscos, mas que não foram testados adequadamente em humanos. A prescrição médica deve pesar seus riscos e benefícios;
  • Classe D: medicações associadas a má-formações fetais, mas que o risco-benefício ainda pode ser avaliado pelo médico;
  • Classe X: medicamentos associados a malformações fetais em estudos com animais e humanos, sendo contra-indicados durante a gravidez.

Quais os procedimento e produtos de cabelo para grávida evitar?

Alguns produtos e procedimentos capilares podem trazer riscos ao bebê e por isso, devem ser evitados por gestantes e lactantes. Saiba quais são os produtos de cabelo para grávida evitar.

Alisamento: escova progressiva, definitiva, botox capilar

Há diversos métodos e substâncias usadas para alisar os cabelos.

Um dos mais famosos agentes alisantes é o formol.

O formol é uma substância altamente tóxica, irritativa e cancerígena que causa má-formação fetal, baixo peso ao nascer, dentre outras anomalias.

Além do formol, que é proibido tanto em gestantes como em mulheres não-grávidas, outros compostos também devem ser analisados.

Os hidróxidos são substâncias presentes em produtos capilares para alisamento. Seu uso é autorizado pelo ANVISA para mulheres não-grávidas.

Entre os hidróxidos mais usados estão, por exemplo, os hidróxidos de sódio, potássio, cálcio, lítio e guanidina.

Outro composto alisante também regulamentado pela ANVISA é o tioglicolato de sódio ou amônia.

Tanto o tioglicolato quanto os hidróxidos devem ser evitados na gestação uma vez que não há estudos científicos suficientes para comprovar sua segurança em grávidas.

Tintura de cabelo

As tinturas de cabelo geram grande dúvida quanto à segurança durante a gestação.

Parte dessas dúvidas se deve ao grande número de substâncias presentes nesses produtos.

Estudos têm sugerido a associação entre uso de tinturas capilares pela gestante e baixo peso dos bebês ao nascimento.

Há também estudos que sugerem maior risco de que bebês possam desenvolver câncer se a mãe tinge o cabelo.

Dessa forma, como há dúvidas sobre seus efeitos sobre o feto, é recomendado evitar a tintura dos cabelos na gestação.

Ureia

Substância usada em cosméticos e produtos capilares devido ao seu poder hidratante.

Produtos com concentrações maiores do que 3% não devem ser usados pelas gestantes, segundo a ANVISA, devido a sua capacidade de atravessar a placenta e atingir o feto.

Dessa forma, não pode ser usado na gravidez qualquer produto para cabelo com mais de 3% de uréia.

Ácido salicílico

O ácido salicílico é uma substância utilizada como esfoliante em cosméticos e produtos para cabelos, principalmente dermatológicos.

O ácido salicílico é bem absorvido pela pele e pode cruzar a barreira placentária.

Apesar de não haver evidências científicas de efeitos em humanos, ele é capaz de induzir malformações em embriões de ratos.

Portanto, shampoo esfoliante com ácido salicílico não pode ser usado na gravidez deve ser evitado, quando possível.

Quais medicamentos e produtos de cabelo para grávida interromper na gestação?

Minoxidil

O minoxidil é o medicamento tópico mais prescrito para tratamento da alopecia feminina.

Apesar da sua baixa absorção sistêmica, há relatos de caso de malformações cardíacas, neurológicas, gastrointestinais, renal e de membros.

Por conta desses relatos e da falta se estudos conclusivos, o minoxidil não pode ser usado na gravidez.

Espironolactona

A espironolactona é um diurético usado no tratamento da alopecia androgenética feminina devido aos seus efeitos anti-andrógenos, ou seja, feminilizantes.

A espironolactona diminui a ação de hormônios masculinos ao competir por receptores de testosterona e inibir a enzima 5-alfaredutase.

Essa enzima é a responsável pela conversão de testosterona em diidrotestosterona (DHT).

O DHT é fundamental para o desenvolvimento do genital no feto.

Como a espironolactona inibe o DHT, ela deve ser evitada na gestação pelo risco de causar defeitos no genital e feminilização de bebês do sexo masculino.

Dessa forma, a espironolactona é um remédio que não pode ser usado na gravidez.

Corticoide

Os corticoides são substâncias usadas para tratar diversas dermatoses capilares ou do couro cabeludo.

Existem diversas apresentações como creme, loção, pomada, solução capilar, comprimidos e solução injetável.

Os corticoides orais e injetáveis têm sido associados à fenda palatina, catarata infantil, prematuridade, diabetes gestacional, hipertensão, pré-eclampsia e eclampsia.

Já os corticoides tópicos parecem ser menos danosos, mas seu uso prolongado deve ser evitado pela possibilidade de elevação dos seus níveis sistêmicos.

Como é um medicamento fundamental para o tratamento de diversas doenças maternas e do próprio feto, a decisão se o corticoide pode ou não pode ser usado na gravidez cabe ao médico obstetra e aos familiares.

Suplementos nutricionais: Pantogar, Eximia Fortalize, Anacaps, Pill food Imecap, Nourkrin, Neosil, Hair Skin & Nails

Suplementos nutricionais como Pantogar, Eximia, Anacaps ou Imecap contém em suas composições basicamente vitaminas, minerais ou outros compostos presentes em uma dieta.

Já suplementos como Nourkrin, Neosil e Hair Skin & Nails contêm compostos derivados de extratos marinhos ou de plantas, cuja segurança precisa ser melhor avaliada. 

Mesmo que compostos dos suplementos alimentares pareçam ser inócuos ao bebê, é preciso interromper qualquer suplemento nutricional antes de se certificar com o obstetra se ele pode ser usado na gravidez

Quais produtos de cabelo para grávida podem ser usados?

Xampu

Durante a gestação é fundamental que a gestante adote uma rotina de limpeza para evitar a inflamação do couro cabeludo.

O tempo de exposição aos componentes dos xampus é breve e, portanto, os riscos são muito baixos.

De maneira geral, os xampus comuns podem ser usados sem grandes preocupações.

No caso de xampus terapêuticos, como por exemplo, os xampus anticaspa, deve-se procurar por orientações na bula do produto ou com o médico responsável pela prescrição para saber se pode ou não pode na gravidez.

Condicionador e finalizadores

Condicionadores e máscaras estão entre os produtos de cabelo para grávida que são seguros.

Para diminuir o risco de dermatite, o condicionador deve ser aplicado apenas nas pontas, evitando o aumento do sebo no couro cabeludo.

Os fios ficam mais volumosos e brilhantes durante a gestação, o que faz com que muitas mulheres queiram usar finalizadores para facilitar o penteado.

A princípio, o condicionador pode ser usado na gravidez.

Creme para cachos ou leave-in pode ser usado na gravidez, assim como protetores térmicos e produtos capilares com protetor solar.

Qual medicamento ou produtos de cabelo para grávida podem ser usado na gravidez?

Nem todo tratamento tópico não pode ser usado na gestação.

Alguns princípios ativos podem ser usados para tratamento tópico de doenças dermatológicas e, portanto, podem estar presentes em produtos de cabelo para grávidas.

  • Antibióticos: em geral, antibióticos tópicos são seguros na gestação. Os mais seguros, entretanto, são: clindamicina, metronidazol e mupirocina. O peróxido de benzoíla, que tem ação anti-inflamatória e antibacteriana também pode ser usado na gravidez;
  • Antifúngicos: os compostos mais seguros são a nistatina, o clotrimazol e o miconazol. Apesar de também poderem ser usados, os dados científicos sobre segurança do ciclopirox e terbinafina são mais limitados;
  • Pediculose (piolho) e escabiose (sarna): pode ser ser usado na gravidez permetrina, benzoato de benzila, enxofre.
  • Nitrogênio líquido pode ser usado na gravidez.

Como saber quais produtos de cabelo para grávida pode ser usado na gravidez?

Os produtos de cabelo para grávidas devem oferecer segurança à mulher e ao feto.

O ideal é que antes comprar produtos de cabelo para grávidas, a mulher procure por informações sobre a segurança no próprio produto.

No caso de insegurança ou se houver alguma doença capilar associada, o médico obstetra ou o médico especialista em cabelos deve ser consultado para saber o que pode ou não pode ser usado na gravidez.

A Clínica Doppio possui uma estrutura apropriada para avaliação e tratamento de queda de cabelos e calvície. Além disso, conta ainda com um médico especialista em cabelos e profissionais preparados para ajudar com seu problema.

Faça uma avaliação e obtenha as informações e cuidados para o seu caso.

blank

Dr. Nilton de Ávila Reis

CRM: 115852/SP | RQE 32621


Posts Relacionados

Lúpus e cabelo: qual a relação?
A queda de cabelo por lúpus é uma queixa frequente dos portadores da doença. Ao... (Leia mais)
Como minimizar os danos ao finalizar o cabelo com fontes de calor?
Finalizar o cabelo com aparelhos térmicos faz parte da rotinas de muitas pessoas. Mas esse... (Leia mais)
Cabelo poroso: como identificar e tratar?
A porosidade do cabelo é um assunto ainda pouco explorado. A maior parte das pessoas... (Leia mais)

108 Responses

  1. Boa noite.

    Tenho uma dúvida:

    Minha mulher está grávida, e eu faço utilização do tratamento do minoxidil 5%.
    Hoje ela se encontra no quinto mês de gravidez. Gostaria de saber se eu posso ou não continuar
    com meu tratamento de minoxidil.

  2. Olá gostaria de tirar uma dúvida , fui modelo de penteado e um salão e usaram várias vezes fixador de maquiagem , e estou grávida de 6,4 dias , será que tem algum problema , agora estou preucupada .

      1. Dr., Boa noite.
        Estou grávida de 10s, e gostaria de saber quais hidrataçoes capilares posso usar. Não uso nenhuma química no cabelo, minha dúvida mesmo é em relação a quais máscaras capilares posso usar

        1. Olá, Evelin

          Em geral, não há muitas restrições quanto ao uso de máscaras capilares e condicionadores.
          Procure usar produtos de marcas mais conhecidas.
          Elas costumam ser seguras.

  3. Oi estava usando shampoo da elseve q contém ácido hialuronico, comprei no mercado e Nao me atentei a isso ja usei por umas 2 a 3 semana dia sim dia nao estou de 5 meses, sera q pode causar mal ao meu bebe ??

    1. Olá, Camila

      A presença de ácido hialurônico na composição do shampoo não o torna perigoso para o seu bebê.
      Pode usar o shampoo sem receios.

      1. Dr. Estou grávida de 31 semanas e gostaria de fazer uma selagem orgânica com um centímetros do couro cabeludo, poderia me orientar se é seguro?

        1. Olá, Joseane

          Existem estudos científicos apontando riscos nesse tipo de procedimento para o bebê.
          Portanto, sugiro você evitar tal procedimento enquanto está grávida.

    1. Olá, Marcela

      Existem poucos dados científicos a respeito dos possíveis efeitos provocados pelo alisamento com guanidina sobre o feto.
      Portanto, sugiro evitar o procedimento nessa fase.

  4. Bom dia. Estou gravida de 3 meses e meio, estive usando um shampoo da Loreal e percebi que ele tem ácido salicílico na composição. Estou preocupada, pode prejudicar o bebe?? Obrigada pela atenção…

    1. Olá, Vanessa

      Ainda não há dados científicos suficientes vindos de estudos com humanos, somente alguns testes em ratos de laboratório.
      Não fique preocupada. Se fosse algo frequente, teria sido banido pela Vigilância Sanitária (ANVISA ou FDA).
      Mas, por via das dúvidas, evite usar esse produto ou qualquer outro que contenha ácido salicílico durante a gestação.

  5. Olá, doutor!
    Pretendo engravidar e estou fazendo uso do tônico capilar e shampoo antiquada da Adcos, ao engravidar posso continuar usando esses dois produtos?

    1. Olá, Elma

      Antes de usar qualquer remédio ou cosmético, é preciso checar nas informações do produto se há alguma orientação sobre uso em gestantes.
      Muitos desses produtos não fornecem informações sobre segurança do produto na gravidez.

  6. Estou usando o sabonete actine darrow, a composição dele é prejudicial para grávidas ? Composição: enxofre coloidal, ácido salicílico, extrato de aloé e vera, pca de zinco e murumuru

    1. Olá, Marcela

      Não precisa ficar tão preocupada. A absorção de substâncias presentes nos xampus é bem baixa, pois o contato é breve uma vez que logo já se enxágua o cabelo.
      De qualquer forma, procure usar produtos mais leves e neutros.

  7. Oi bom dia, estou grávida de 7 semanas. Tenho dermatite seborreia no couro cabeludo e por esse motivo tenho que lavar o cabelo diariamente com shampoo que a fórmula é 8 % LCD, 4% Ac. Salicílico e shampoo QSP 300ml.

    Qual a recomendação a ser seguida a partir de agora?

    Fiquei extremamente preocupada após ler a matéria, pois estava usando o shampoo até agora.

    1. Olá, Patricia

      Sugiro suspender o uso do shampoo e conversar com seu médico ginecologista e dermatologista sobre qual o melhor produto a ser usado nesse período.

    1. Olá, Adriana

      Existem loções próprias para tratar a pediculose (piolho) que podem ser usadas na gestação.
      Sugiro que pergunte ao seu médico ginecologista ou dermatologista a respeito.
      Caso queira mais informações, entre em contato conosco pelo número (11) 38539175.
      Estamos à disposição para ajudá-la.

  8. Olá, comprei um serum facial antes de saber da gravidez o mesmo chegou, o principal ingrediente é o óleo de pracaxi que possui maior concentração de ácido behênico, ele pode prejudicar o feto?

    1. Olá, Amanda

      Existe uma série de substâncias contidas em cosméticos que devem ser evitados durante a gravidez.
      Em geral, óleos extraídos de plantas não se incluem nessa lista.
      Entretanto, é difícil avaliar um produto só pelo princípio ativo principal. Tem que avaliar a fórmula toda.
      Na dúvida, é sempre melhor não usar.

    1. Olá, Janaína

      Existe uma série de substâncias contidas em cosméticos que devem ser evitados durante a gravidez.
      Muitas delas, no entanto, são patenteadas pelos fabricantes, o que limita estudos de eficácia e segurança.
      Portanto, é difícil afirmar se é perigoso ou não usar produtos com esses compostos.
      Na dúvida, é sempre melhor não usar.

  9. Boa tarde. Uso a loção antiqueda da marti derm e estou tentando engravidar. Posso continuar a usar a mesma loção até engravidar e quando souber da gravidez parar o uso? Obrigada

  10. Olá, tudo bem?

    Dr, tira uma dúvida por gentileza?
    Estou Grávida de 24 semanas.
    Posso utilizar o Kit da Elseve (Shampoo, condicionador, máscara) que contém ácido hialurônico? Ganhei de presente e estou com receio de usar.

    Obrigada! ♥

    1. Olá, Caroline

      Não há evidências sobre problemas com o feto causados pelo uso tópico de ácido hialurônico.
      Portanto, não há restrições para o uso desses produtos durante a gravidez.

    1. Olá, Raquiel

      A escolha do suplemento depende de suas necessidades.
      Tomar vitaminas, ou seja, suplementos alimentares (https://clinicadoppio.com.br/suplementos-para-cabelos/) só é benéfico em casos específicos em que faltam vitaminas (https://clinicadoppio.com.br/queda-de-cabelo-por-deficiencia-de-vitamina/) ou minerais (https://clinicadoppio.com.br/queda-de-cabelo-por-deficiencia-de-minerais/) no sangue.
      Para saber se é o caso, é preciso fazer exames de sangue antes.
      Isso porque o uso desse ou de qualquer outro suplemento deve ser feito com cautela uma vez que também pode haver piora da queda por excesso de vitaminas e minerais (https://clinicadoppio.com.br/queda-de-cabelo-por-excesso-de-vitaminas-e-minerais/).
      Portanto, sugiro que converse com sua ginecologista ou agende uma consulta para que sejam exames de sangue específicos.

  11. Estou de 6 semanas de gestação. Estou usando sabonete actine para o rosto, mas vi que tem ácido salicílico, posso continuar o uso???? Estou preocupada.

    1. Olá, Bruna

      A principio, não há uma contraindicação formal ao seu uso.
      Mas antes de usar qualquer cosmético ou medicamento é interessante conversar com sua médica obstetra.

  12. Olá…qnd descobri minha gestação, por volta de 3 a 4 semanas, estava em uso de minoxidil diretamente no couro cabeludo. Hoje estou com 11 semanas masfiz um ultrassom com 9 e aparentemente estava TD certo. A partir de qnd posso ficar tranquila de que realmente isso não afetou o meu bebê?

    1. Olá, Michele

      A absorção do minoxidil no couro cabeludo é pequena e nessa fase da gestação é improvável que ela tenha causado algum mal ao seu bebê.

  13. Olá, boa tarde!
    Tem alguma contraindicação para uso de produtos à base de aminoácidos na gestação? Após 15 semanas? Seria para reduzir volume capilar no caso.

    1. Olá, Anny

      Sugiro que antes de usar qualquer produto cosmético ou medicamento, consulte seu médico ginecologista.
      De preferência, leve o produto em sua próxima consulta pré-natal.

    1. Olá, Raquel

      Sugiro que antes de usar qualquer produto cosmético ou medicamento, consulte seu médico ginecologista.
      De preferência, leve o produto em sua próxima consulta pré-natal.

    1. Olá, Alexandra

      Em geral, não há restrições quanto ao uso de máscaras hidratantes durante a gestação.
      Mas para ter certeza, sugiro que antes de usar qualquer produto cosmético ou medicamento, consulte seu médico ginecologista.
      De preferência, leve o produto em sua próxima consulta pré-natal

    1. Olá, Thamires

      A princípio não há restrição ao uso de produtos tópicos com óleo de rícino.
      Entretanto, sugiro que antes de usar qualquer produto cosmético ou medicamento, consulte seu médico ginecologista.
      De preferência, leve o produto em sua próxima consulta pré-natal.

  14. Boa noite! Estou com 26 semana de gestação e usando um kit para queda de cabelo shampoo, condicionado e loção spray, até o momento não sabia q era prejudicial no rótulo dos produtos consigo saber pela composição se posso continuar a usar? Quais ingredientes são prejudiciais?

    1. Olá, Tatiane

      Boa parte dos produtos regulamentados como medicamentos, ou seja, com poder terapêutico, informam no rótulo se há restrições para uso em gestante.
      Se você tem dúvidas, sugiro parar de usar até mostrar o produto ao seu médico obstetra.

  15. Olá Dr. Descobri que estou com 4 semanas, tenho alopecia e faço tratamento, uso Avicis (alfaestradiol) e Minoxidil. Devo interromper? E Shampoo com Aminexil da Vichy ou da Kérastase posso utilizar? Abraço e obrigada pela atenção

  16. Bom dia!!
    Tenho uma dúvida sou gestante de 20 semanas, quero fazer uma selagem capilar com produto Salvatori, sua composição é tamina, tem algum problema?

    1. Olá, Margarete

      Nã há muitos estudos científicos nem mesmo regulação sobre esse tipo de produto.
      Portanto, sugiro que antes de usar qualquer produto cosmético ou medicamento, consulte seu médico ginecologista.

    1. Olá, Mayara

      É preciso saber que tipo de dermatite capilar você apresenta e qual a gravidade do quadro.
      Portanto, sugiro que procure um médico especialista para avaliação do seu couro.
      Caso queira mais informações, entre em contato conosco pelo número (11) 38539175.
      Estamos à disposição para ajudá-la.

  17. Olá…
    Tenho uma dúvida..ja revirei a internet e não achei 🙁
    Gostaria de saber se o tônico capilar do Boticário MATCH DO VIDRO AZUL , pode ser.usado.por gestante… é um tônico pra crescimento..
    Obrigada

    1. Olá, Tatiane

      Se nas informações do produto não há informações sobre o assunto, fica difícil determinar a segurança do seu uso durante a gestação.

    2. Olá Dr. eu fiz botox capilar no início da minha gestação quando eu ainda não sabia, acredito que quando fiz estava com 2 semanas e não sabia.. Dr acha que pode atrapalhar a formação ? Estou angustiada

    1. Olá, Valdirene

      Não conheço esse produto, mas em geral não há problemas em utilizar ativadores de cachos e cremes para cabelo durante a gestação.

    1. Olá, Brenda
      Sugiro que antes de usar qualquer produto cosmético ou medicamento, consulte seu médico ginecologista.
      De preferência, leve o produto em sua próxima consulta pré-natal.

    1. Olá, Ligia

      Em geral, xampus e condicionadores não prescritos por médicos, ou seja, produtos encontrados em supermercados não causam problemas para o feto.
      Entretanto, sugiro que antes de usar qualquer produto cosmético ou medicamento, consulte seu médico ginecologista.
      De preferência, leve o produto em sua próxima consulta pré-natal.

    1. Olá, Laura

      Muitos produtos capilares não fornecem informações sobre segurança quanto ao uso na gravidez.
      Sugiro que antes de usar qualquer produto cosmético ou medicamento, consulte seu médico ginecologista.
      De preferência, leve o produto em sua próxima consulta pré-natal.

    1. Olá, Viviana

      Antes de usar qualquer produto cosmético, seja ele capilar ou para a pele, vpcê deve conversar com a sua ginecologista.

  18. Olá!
    Grávida de pouco mais de uma semana (acabei de descobrir, ainda não fui ao obstetra), posso fazer cronograma capilar com ozônioterapia realizado em salão de beleza?
    Obrigada, desde já.

    1. Olá, Amanda

      É preciso ter muito cuidado com o uso de remédios e tratamentos durante a gestação.
      Sugiro não aderir a nenhum deles antes de iniciar o pré-natal e conversar com seu médico obstetra.

    1. Olá, Adriele

      Em geral, não há restrições quanto ao uso de máscaras e condicionadores durante a gestação.
      Mas antes de usar qualquer produto, recomendo levá-lo a uma consulta de pré-natal.

    1. Olá, Rafael

      O minoxidil é um medicamento que deve ser evitado durante a gravidez.
      No caso de sua mulher, como ainda está muito no início da gestação, provavelmente não houve nenhum prejuízo ao feto.
      De qualquer forma, interrompa o seu uso e comunique seu médico obstetra.

  19. Bom dia, estou indo p 32 semanas de gestação, e tenho produtos p hidratação que contém aminoácidos, mas não tem contato com o coro cabeludo, posso usar?

Deixe uma resposta

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *