Queda de cabelo por deficiência de vitaminas

A alimentação balanceada pode evitar uma série de distúrbios que levam ao comprometimento capilar. A queda de cabelo por deficiência de vitamina é um bom exemplo.

Vitamina A ou retinol

A vitamina A é importante para o processo de reprodução celular, responsável pelo crescimento capilar.

Além disso, diminui a quebra por fios por contribuir na manutenção da oleosidade do couro cabeludo e atuar como antioxidante, protegendo os folículos capilares contra os danos causados pelos radicais livres.

A deficiência de vitamina A cursa com sintomas como olhos secos, cegueira noturna, diarréia e problemas de pele.

Vitamina B1 ou tiamina

A vitamina B1 atua nos processos de obtenção de energia a partir do metabolismo de carboidratos, proteínas e gorduras.

A deficiência de tiamina afeta os sistemas cardiovascular, nervoso, muscular e gastrointestinal

Sua deficiência é rara, podendo ocorrer em alcoólatras, pacientes com anorexia, doença de Chron ou em diálise.

Vitamina B2 ou riboflavina

A vitamina B2 aumenta os níveis de energia e ativa a vitamina B6 e o folato. Além disso, atua como antioxidante, protegendo os folículos capilares dos danos provocados pelo estresse oxidativo.

A carência de vitamina B2 afeta múltiplas etapas do metabolismo da vitamina B6, ácido fólico, vitamina B3 e ferro.

Sintomas da falta de vitamina B2 incluem cansaço, feridas nos cantos da boca, irritação na língua, problemas digestivos.

Vitamina B3 ou niacina

A vitamina B3 colabora com o processo de nutrição dos fios por melhorar a circulação sanguínea e participar do processo de fornecimento de energia. Além disso, pode reduzir processos inflamatórios.

Geralmente o alcoolismo é a principal causa de carência dessa vitamina.

Os sintomas da falta de niacina incluem cansaço, depressão, indigestão, vômitos, má-circulação e feridas.

Quadros de deficiência severa são conhecidos como pelagra.

Queda de cabelo por deficiência de vitamina B5 ou ácido pantotênico

Além de participar da metabolização de alimentos, a vitamina B5 ajuda o corpo a usar a vitamina B2.

A deficiência é extremamente rara.

Sintomas incluem cansaço, irritabilidade, depressão, insônia, queimação nos pés, dor de estômago, vômitos e infecções respiratórias.

Queda de cabelo por deficiência de vitamina B6 ou piridoxina

A vitamina B6 é essencial no processo de quebra de proteínas e disponibilização de aminoácidos para a produção dos fios de cabelos.

Além disso, participa do processo de produção de hormônios, anticorpos e outros componentes do corpo.

Sintomas da falta de piridoxina incluem fraqueza muscular, nervosismo, irritabilidade, depressão, dificuldade de concentração e falhas de memória para fatos recentes.

Inflamação ou machucados na língua, interior e canto das bocas também podem ocorrer.

Queda de cabelo por deficiência de vitamina B7, vitamina H ou biotina

Apesar de haver pouca evidência científica, a biotina parece fortalecer o fio, além de combater o ressecamento e diminuir a sua quebra.

A deficiência de biotina é rara, uma vez que além da alimentação, há também produção dessa vitamina por bactérias intestinais.

Níveis baixos de biotina podem cursar com característico ressecamento, vermelhidão e descamação da pele do rosto e feridas nos cantos da boca.

Ainda podem aparecer inchaço e dor na língua, olhos secos, perda de apetite, cansaço, insônia, depressão e outros sintomas neurológicos.

O comprometimento neurológico ainda pode incluir apatia, enfraquecimento, formigamento de mãos e pés, alucinações e até convulsões.

Queda de cabelo por deficiência de vitamina B9, folato ou ácido fólico

O ácido fólico é essencial para o crescimento dos cabelos e outros tecidos, uma vez que atua na replicação de material genético, ajudando o corpo a produzir DNA e RNA.

Além disso, assim como a vitamina B6, ele também participa do processamento das proteínas, fornecendo aminoácidos para a produção dos fios de cabelo.

A deficiência de ácido fólico é de certa forma mais comum.

Uma das consequências da falta dessa vitamina é a anemia.

Outra possível sequela é a má-formação do feto em gestantes com baixos níveis de vitamina B9.

Os sintomas da carência de folato incluem cansaço, fraqueza, irritabilidade, esquecimento, falta de ar, inflamação da língua e gengiva, perda do apetite e diarreia.

Queda de cabelo por deficiência de vitamina B12 ou cobalamina

A vitamina B12 atua junto com o ácido fólico na produção de DNA e proteínas.

Apesar de ser uma das poucas vitaminas B que o corpo pode fazer estoque, a deficiência de vitamina B12 não é tão rara.

Isso porque somente fontes animais possuem quantidades suficientes para suprir sua demanda.

Dessa forma, pessoas que adotam dieta vegan e não fazem reposição com suplementos são especialmente susceptíveis à deficiência.

A deficiência de vitamina B12 caracteristicamente leva à anemia, dormência e formigamento das mãos e, principalmente, pés.

Outros sintomas incluem dificuldade em andar, esquecimento, desorientação, demência, inchaço da língua, perda de apetite e constipação.

Queda de cabelo por deficiência de vitamina C ou ácido ascórbico

A vitamina C protege os folículos capilares por fortalecer o sistema imune e atuar como antioxidante, combatendo radicais livres resultantes do estresse oxidativo.

Além disso, melhora a absorção de ferro pelo organismo.

A deficiência de vitamina C é rara.

Fumantes, no entanto, são mais propensos, uma vez que o cigarro diminui a quantidade dessa vitamina no organismo.

Os sintomas da falta de vitamina C incluem inflamação e sangramento das gengivas, hematomas, dificuldade em cicatrizar feridas, perda dos dentes, dor e inchaço articular.

A deficiência severa de vitamina C é conhecida como escorbuto.

Queda de cabelo por deficiência de vitamina D, ergocalciferol ou colecalciferol

A vitamina D participa da diferenciação das células foliculares, contribuindo para a regulação do ciclo do pelo e portanto, do controle da queda de cabelos.

A deficiência de vitamina D causa raquitismo em crianças e osteomalácia em adultos, condições caracterizadas pelo enfraquecimento dos ossos.

Além da manutenção dos ossos, a vitamina D também tem sido relacionada a outras condições e doenças.

Assim, níveis baixos de vitamina D têm sido associados à doenças autoimunes, hipertensão arterial, depressão, obesidade, câncer de mama e colorretal.

Queda de cabelo por deficiência de vitamina E

A vitamina E é um antioxidante que ajuda a manter os cabelos saudáveis por fortalecer o sistema imune e aumentar a oferta de oxigênio, melhorando a circulação sanguínea no couro cabeludo.

Sintomas da deficiência de vitamina E incluem fraqueza, perda de massa muscular, movimentos anormais dos olhos, problemas de visão e de marcha.

Queda de cabelo por deficiência de vitaminas: o que fazer?

Muitas vezes, com uma rotina corrida e estressante, fica difícil se ter um controle adequado da dieta.

Como consequência, começam a se acumular problemas de saúde associados a uma dieta deficiente.

Um desses sinais pode ser o comprometimento capilar.

Além da dieta, muitos outros fatores relacionados à saúde podem levar à queda de cabelo.

Buscar suas possíveis causas é o primeiro passo para se recuperar o controle da saúde e da qualidade de vida.

A Clínica Doppio além de possuir uma estrutura apropriada para avaliação e tratamento de queda de cabelos e calvície, conta ainda com um médico especialista em cabelos e profissionais preparados para ajudar com seu problema.

Faça uma avaliação e obtenha as informações e cuidados para o seu caso.

Dr. Nilton de Ávila Reis

CRM: 115852/SP | RQE 32621


Posts Relacionados

Terapeuta capilar, tricologista e médico especialista: qual a diferença?
Existem diversos termos para denominar os profissionais que lidam com problemas no cabelo ou couro... (Leia mais)
Finasterida ou minoxidil: qual é a diferença?
Parte dos pacientes com problemas capilares ficam em dúvida se devem usar finasterida ou minoxidil.... (Leia mais)
Erros ao usar minoxidil: por que ele não funciona?
O minoxidil é um remédio comprovadamente eficiente para tratar a alopecia. Mas existem alguns erros... (Leia mais)

18 Responses

  1. Oi, passando para falar que adorei o site com informações corretas e científicas, Parabéns pelo conteúdo 🔝🔝

    1. Olá, Regina

      Obrigado pelo comentário!
      É um estímulo a continuar meu trabalho de pesquisa por fontes científicas e dados confiáveis sobre assuntos muitas vezes abordados de forma superficial e com informações vagas, sem embasamento.

  2. Boa Noite! Gostaria de saber se coagulação baixo pode fazer a queda do cabelo , estou preocupada com essa situação meu cabelo esta caindo um lado caiu mais que o outro.

    1. Olá, Rosana

      Não sei se entendi sua pergunta.
      Em relação à coagulação, medicamentos anticoagulantes como heparina ou warfarina podem colaborar para a queda. Mas a queda não é de um lado mais do que do outro. A queda costuma ser difusa, sem deixar falhas em um lado da cabeça.

  3. Fiz vários exames de sangue e acusou nível de vitamina C baixo exatamente 1,2 e vitamina D 27, série eles o causador da minha queda capilar e quebra

    1. Olá, Ana Rosa

      Existem muitas possíveis causas para queda e quebra de cabelo, mas esses níveis de vitaminas isoladamente não seria uma delas.
      Procure um médico especialista para um exame mais completo e orientações mais embasadas.
      Caso queira informações, entre em contato conosco pelo telefone (11) 38539175.
      Estamos à disposição para ajuda-la.

  4. Olá Dr. Quais exames de sangue ou outros devo fazer para saber quais deficiências de vítiminas estou tendo? Tenho hipotireoidismo e mta queda de cabelos mas, será que não há algo para me ajudar a ter novamente meu cabelo normal? Estou com falhas…

    1. Olá, Liliane

      A relação de vitaminas depende da sua história clínica, ou seja, depende dos seus hábitos alimentares.
      Portanto, sugiro que agende uma consulta para saber quais exames precisa fazer.

  5. Boa tarde, Dr!
    Estou tomando Natifa pro ubd para reposição hormonal, porém minha dermatologista me receitou bicalutamida e dastene para queda de cabelo tem algum problema em tomá-los juntos.
    Meu cabelo está caindo um absurdo e mesmo com o tratamento não para.

  6. Boa tarde Tenho problema de queda de cabelo meu cabelo e grande tomo Imecap tomo calcitran mdk mas ainda continua caindo o que faço

    1. Olá, Neuza

      Existem algumas possibilidades para o quadro descrito por você.
      Para saber exatamente o que está acontecendo é preciso passar por uma avaliação médica.
      Somente após avaliação completa (https://clinicadoppio.com.br/diagnostico-e-exames-para-queda-de-cabelo/), com análise do fio de cabelo, couro cabeludo e exames de sangue, é que se pode esclarecer o que está ocasionando a queda.
      Caso queira mais informações, entre em contato conosco pelo número (11) 38539175.
      Estamos à disposição para ajudá-la.

  7. Parabéns Dr. Nilton! essa matéria sobre as Vitaminas e benefícios, deficiência das mesmas e sintomas foram muito esclarecedores. o melhor de tudo é que as informações são bem objetivas e de fácil compreensão.

    1. Olá, Solange

      Obrigado pelo comentário.
      O meu propósito é realmente transmitir informações de maneira clara e objetiva.

Deixe um comentário

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *